PC prende empresário acusado de participação em assassinato

empresario assassinou
Francisco Wagner da Silva, o “Cachoeira” (Foto:Ascom/PC)

A Polícia Civil de Alagoas, por meio da Delegacia de Homicídios da Capital (DHC), prendeu nesta sexta-feira (19) em Maceió, Francisco Wagner da Silva, de 37 anos, conhecido como “Cachoeira”, acusado de ter matado um jovem na cidade de Rio Largo.

Segundo o delegado José Carlos André dos Santos, que comandou a ação, ele atraiu a vítima Wagner Jackson Lima de Oliveira, para o bairro Santa Lúcia, de onde foi levada para a zona rural de Rio Largo para ser executada.

Após intensa investigação, e de provas técnicas, a DHC apontou que Francisco Wagner que é um empresário, foi o responsável por levar o jovem até o local onde foi capturado e assassinado, no dia 18 de janeiro de 2014.

“O crime foi muito bem planejado pelos acusados, que tentaram apagar todos os vestígios que os levassem até o homicídio, mas o serviço de inteligência da Delegacia de Homicídios fez um excelente trabalho e produziu provas contundentes no inquérito policial”, salientou José Carlos.

O delegado disse ainda que as investigações continuam com o objetivo de compreender a motivação do crime, identificar e localizar os comparsas do empresário.

Francisco Wagner da Silva foi preso em cumprimento a mandado de prisão expedido pela 3ª Vara Criminal de Rio Largo.

Ascom/PC