Michel Temer deverá assumir a Presidência em pouco mais de 30 dias

19553_2_L
Michel Temer deve assumir em pouco mais de trinta dias, afirma MCM (Lula Marques/ Agência PT)

Para consultores, juiz federal Sérgio Moro explodiu o governo Dilma e Lula; talvez, se explodiu também

Em relatório, a MCM Consultores analisou os efeitos da divulgação das gravações de Lula – sendo uma delas envolvendo a presidente Dilma Rousseff – para o governo. Segundo a consultoria, o vice-presidente Michel Temer deverá assumir a Presidência em pouco mais de 30 dias. “Resta saber quais serão as condições de governabilidade de seu governo nesse terreno minado no qual se transformou a política brasileira”, afirma.

Enquanto isso, destaca a consultoria, “Dilma enfrentará um processo que será aberto pela Procuradoria-Geral da República e correrá no Supremo Tribunal Federal. Contudo, antes que este se resolva, ela, muito provavelmente, será afastada da Presidência da República via impeachment aprovado no Congresso”, diz o texto, enfatizando o período de cerca de um mês para que isso ocorra.

“Nas manifestações de ontem à noite havia jovens enfrentando a polícia, tomando spray de pimenta na cara, gente jogando pedra, queimando pneus. Não havia babá empurrando carrinho. Esse tipo de manifestação é leading indicator para queda de governo. Nesse ambiente, a classe política entregará a cabeça do PT e do governo Dilma à turba”, continua.

Já o ex-presidente Lula tampouco escapará de uma ação criminal, “resta saber em qual instância”. A MCM Consultores avalia ainda que, além disso, sua imagem política ficará profundamente avariada. “A exposição de seus diálogos, mesmo aqueles que claramente não ferem a legalidade – há os que, no mínimo, flertam com o ilegal – expuseram uma faceta desconhecida do ex-presidente, desconhecida para o grande público: a do grande chefe que, numa enxurrada de palavrões, comanda articulações que, ao senso comum, soam escandalosas. Os bastidores da política, quando revelados, chocam, via de regra, a opinião pública”. Para a MCM, a posse de Lula virou irrelevante, com o ex-presidente perdendo a sua capacidade de articular politicamente e de construir eventuais novos caminhos para a política econômica.

Enquanto isso, o juiz federal Sérgio Moro também deve sofrer punições, afirma a MCM. Moro será submetido a um processo junto ao Conselho Nacional de Justiça e pode ser punido. “Sérgio Moro explodiu o governo Dilma e o ex-presidente Lula. Talvez, se explodiu também. Agora é providenciar as exéquias”, afirma.

InfoMoney