Educador físico que mora em AL conta detalhes dos ataques terroristas na Bélgica

belgica
A notícia do dia nesta terça-feira (22) é a série de ataques terroristas em Bruxelas, capital da Bélgica, que deixou no mínimo 20 pessoas mortas. Educador físico gaúcho, mas que morou em Maceió nos últimos 10 anos, Jefferson Porto, contou ao CadaMinuto os momentos de tensão no país europeu.

O profissional de educação física mora na cidade de Leuven, cerca de 15 minutos dos locais dos ataques, em Bruxelas. Segundo ele, o clima é de pânico no país. “Os ataques aconteceram por volta das 08h00 aqui. Estou um pouco afastado do local, mas até por aqui está tenso. Pessoas tentando fugir da localidade, correndo para cidades vizinhas”, afirmou.

Os ataques terroristas aconteceram tanto no Aeroporto Zaventem, como também na estação de metrô Maelbeek, na capital belga. Informações dão conta de que 26 pessoas morreram e outras 35 ficaram feridas. A polícia ainda busca outras vítimas dos ataques, bem como envolvidos no ato criminoso.

“O ataque feito à estação aconteceu muito próximo do parlamento belga. Pode até ser retaliação, porque o governo prendeu um terrorista há pouco tempo”, explicou.

Jefferson Porto é gaúcho, mas criou residência em Maceió desde 1996. Há um ano está na Bélgica e com o término do período da bolsa de estudos, está retornando para a capital alagoana no mês de abril.
belgica2

Paulo Chancey Junior – Cada Minuto